ESTUDO DE GESTÃO FLORESTAL EM POVOAMENTOS DE EUCALIPTO NA REGIÃO OESTE – FATORES SOCIOECONÓMICOS

No passado dia 13 de outubro a APAS Floresta, o ISA e o INIAV, com o apoio do Município de Rio Maior e a The Navigator Company, apresentaram os resultados do Estudo de Gestão Florestal em Povoamentos de Eucalipto na Região Oeste: Fatores Socioeconómicos.

Após a receção dos participantes com um lanche de boas-vindas, a abertura da sessão foi feita pela Engª Rute Santos, coordenadora da APAS Floresta, e os resultados do estudo apresentados pela Professora Maria João Canadas, do ISA.

O objetivo central do estudo foi tentar perceber o tipo e intensidade de gestão que os proprietários florestais de povoamentos de eucalipto fazem nos mesmos, nomeadamente, controlo de vegetação espontânea, adubação, seleção de varas, idade de corte.

Perceber quais os fatores que influenciam as suas decisões, como conseguem obter informação para a gestão, para a venda da madeira, entre outros.

Na procura das respostas a estas questões, foram inquiridos 121 gestores florestais da região em estudo, onde foi feita uma breve caracterização dos seus eucaliptais (estrutura fundiária, produtividade potencial, nível de intervenção e de gestão); e dos próprios gestores (perfil técnico e sociodemográfico do produtor florestal). Neste estudo foram, também, identificadas as práticas florestais atuais, custos e proveitos; os níveis atuais de conhecimento e de informação por parte dos produtores; o modelo de tomada de decisão sobre os investimentos e práticas de gestão.

O Estudo do Oeste permitiu ainda identificar a predisposição dos inquiridos a aderir a práticas florestais mais ativas, qual a sua disposição a investir e a mudar de práticas de gestão e identificar as barreiras à implementação das boas práticas.

A sessão contou com a presença de proprietários/produtores florestais da região, técnicos representantes de entidades como a APFCAN, The Navigator Company, a CELPA e Gabinete Técnico Florestal de Rio Maior e Torres Vedras.

Gostaríamos de agradecer a todos os participantes e em especial ao Município de Rio Maior pela disponibilidade na realização deste evento.